A- A A+

Uma síntese dos trabalhos que estão sendo desenvolvidos pela Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) foi apresentada ao Conselho Estadual de Turismo pelo secretário Tufí Michereff, na reunião ordinária do colegiado realizada nesta terça-feira, 12, em Florianópolis.

reuniao cet

O secretário explanou sobre as negociações com o Ministério do Turismo para a liberação de recursos para diferentes demandas do estado, como os R$ 16 milhões para o Centro de Eventos de Balneário Camboriú, destinados à aquisição de equipamentos. No final de maio foi entregue à prefeitura de Balneário Camboriú e à empresa Autopista Litoral Sul o estudo do Deinfra sobre as obras de acesso, que são de responsabilidade do município. Sobre a gestão do espaço, a SOL estuda a possibilidade de criar uma comissão para definir critérios de utilização do espaço, até que seja realizada a licitação para concessão definitiva.

Recursos do MTur, no valor de R$ 3 milhões, também estão assegurados para auxiliar Santa Catarina a ampliar a certificação do programa Bandeira Azul para praias e balneários. Pelo menos seis municípios catarinenses deverão receber apoio para os trâmites necessários para a certificação internacional. “Temos atualmente quatro certificações, mas temos potencial para muito mais”, afirmou o secretário.

Ainda nas articulações em Brasília, Michereff esteve com o senador catarinense Dalírio Beber, relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2019, solicitando que sejam incluídos no orçamento da União recursos para a renovação e revitalização de duas rodovias turísticas catarinenses.

Para a SC-114, rota conhecida como “Caminhos da Neve", o secretário informou aos conselheiros sobre o repasse de mais R$ 3 milhões do Funturismo para a continuidade das obras. Metade do valor foi repassado em maio e o restante, que estava previsto para setembro, deverá ser antecipado. “O Deinfra tem um contrato com o Exército para execução da obra e ambos querem acelerar o processo, por isso estamos fazendo um esforço para liberar o recurso o quanto antes”, disse.

O presidente do Conselho, Rogério Siqueira, destacou que o colegiado está à disposição do secretário e da SOL para contribuir nas ações que forem necessárias. “Temos três câmaras temáticas organizadas, de capacitação, marketing e infraestrutura, que são capazes de se posicionar sobre qualquer assunto da Secretaria e estão à disposição para auxiliar”, frisou Siqueira.


Temporada de verão

A versão preliminar do catálogo que reúne dados temporada de verão 2017/2018 em Santa Catarina foi apresentada pelo secretário aos conselheiros. O material, sugerido pelo próprio colegiado, foi organizado pela equipe da SOL, com dados de diferentes pesquisas realizadas por entidades parceiras e informações de órgãos de governo. Em breve, o catálogo será disponibilizado em versão digital.

O secretário também informou que a SOL e a Santur estão revendo a participação em feiras e eventos, devido a necessidade de se ajustar à disponibilidade financeira do estado. “A paralisação dos caminhoneiros teve um impacto negativo na economia de Santa Catarina e isso está refletindo também nas ações de promoção do turismo”, acrescentou.

Outros assuntos abordados pelo secretário foram a participação na reunião do Zicosur, em Tucuman, na Argentina; acompanhamento das obras de acesso ao aeroporto de Florianópolis e recursos para obras na Serra Dona Francisca.

 

JSN Boot template designed by JoomlaShine.com

Desenvolvimento: logo ciasc rodape | Gestão do Conteúdo: SOL | Tecnologia: Open Source | Acesso restrito